Resenha: Vida de Elisabeth Leseur

Resenha: Vida de Elisabeth Leseur

Postado em:
Blog -
- 10/06/2019 10:31:17

 

LESEUR, Marie-Albert. Vida de Elisabeth Leseur.  1ra edição: Niterói, RJ. Editora Caritatem, 2019.

A vida de Elisabeth Leseur foi escrita por seu Marido, o Pe. Marie-Albert Leseur que na viuvez tornou-se sacerdote. Esta edição apresenta o resumo de sua admirável história.

Elisabeth nasceu em Paris em 1886, filha de pais católicos, cresceu num lar amoroso, meio familiar que proporcionava relações íntimas e cheias de afeto, ela era a filha mais velha. Todos os filhos do casal Arrighi eram superiormente dotados no ponto de vista da inteligência, todos receberam esmerada educação e instrução. A educação religiosa também ocupava um lugar de grande importância na família, a mãe fez questão que esta tivesse lugar eminente, o qual é de direito. A cultura geral e religiosa produziu em todos, os mais fecundos resultados, grande parte devido a dedicação da mãe.

Tornou-se ela então uma mulher de admirável cultura, estudava música, artes, filosofia, literatura, línguas, seu intelecto era surpreendentemente desenvolvido e igualmente o aspecto religioso, este era ainda mais notável. Foi no seio familiar que colheu os elementos de uma fé sobrenatural e que nela imprimiu caráter tão profundo à sua existência.

Viveu uma vida de piedade desde muito jovem, em sua primeira comunhão já transbordava um amor ao divino que causava grande admiração a todos. Sua mocidade se deu ao redor de sua religiosidade, em profunda vida interior e dedicação aos estudos. Aos vinte e poucos anos casou-se com Félix Leseur, católico, porem pouco antes do matrimonio ela descobrira que este havia deixado de praticar a religião. Após o casamento o marido se declara ateu e torna-se ainda colaborador de jornais anticlericais na época.

Logo após o matrimonio, Elisabeth descobre que não possuía plena saúde física. Iniciando a vida com o marido fizeram muitas viagens e ela foi submetida propositalmente pelo marido à uma vida mundana que acabara por prejudicar e impossibilitar a sua vida interior. No entanto quando esta já não vivera mais uma vida católica foi pega de surpresa por ataques à religião feitas pelo marido. Resgatada pelos princípios que já haviam se enraizado no passado, Elisabeth passa a estudar com mais afinco a cultura e doutrina religiosa, documentos como os deixados por Santo Tomas e Santo Agostinho foram para ela grande auxilio. Através disso retoma a religião e intensifica como nunca sua piedade e vida de oração.

Mulher piedosa e extremamente culta, levava os deveres de estado com admirável dedicação. A ordem era algo que fluía em sua personalidade, tudo que fazia e tocava era impecavelmente ordenado, desenvolveu métodos de disciplina que aplicara em tudo que fizera.  Vivia uma vida de caridade e conquanto seus deveres de estado fossem cumpridos se dedicava a necessitados físicos e espirituais e ainda fundou obras e foi idealizadora de vários apostolados. No ano de 1907 sua saúde se deteriorou e foi obrigada a levar uma vida sedentária. Sua doença causou-lhe grande sofrimento físico durante o restante de sua vida, o que não a fez deixar de viver a piedade e sua religiosidade. Tinha consigo que o sofrimento era uma forma cabal de oração, e tudo o que passava oferecia como sacrifício e sempre pedia a Deus pela conversão das pessoas que lhe eram caras.

Depois de sua morte seu marido teve acesso aos muitos escritos que Elisabeth deixara, o que lhe causou profunda admiração e aproximação a Deus, lendo os traços da vida espiritual de sua esposa.  Este que era ateu se convertera, mais tarde entra como noviço na ordem dominicana e em 1923 foi ordenado sacerdote.

Esta biografia representa um sublime modelo de vida. Onde o sofrimento vivido, a incredulidade do marido não afetaram a fé de uma mulher católica e sua confiança na providência divina. A história de Elisabeth Leseur é um profundo ensinamento de abandono e submissão à vontade de Deus.

 

Para fazer sua assinatura e receber esta obra CLIQUE AQUI.

At, Editora Cariatem.

Categorias

Fique informado!

+ Posts

Noiva Singular - A vida de Santa InÍs
Noiva Singular - A vida de Santa InÍs
Resenha do livro
Resenha do livro
Livro Santo ElzeŠrio e a Bem-Aventurada Delfina
Livro Santo ElzeŠrio e a Bem-Aventurada Delfina
Resenha: As TrÍs Chamas do Lar
Resenha: As TrÍs Chamas do Lar
O Respeito Humano
O Respeito Humano

Receba novidades por email

E-mail cadastrado com sucesso.